Solda Eletrônica

A soldadura de eletrônica similarmente chamado de estanho,( donde o termo “estanhar”), e composta de 2 componentes básicos, o estanho e chumbo. Porém nos dias de hoje o chumbo está sendo banido pelos seus efeitos nocivos, veremos isto adiante.


A soldadura para eletrônica


Soldadura em cordão para eletrônica
Há diversos tipos de soldadura, a mais comum no utilização da eletrônica é a soldadura de cordão com movimento, de 60/40 encorpadura de 1mm ( imagem acima ). Porém o que ou seja 60/40?


Coalizão metálica da Soldadura


As ligas metálicas são designadas pelas proporções de estanho e chumbo, por exemplo, expressar que a soldadura é 60/40, significa expressar que há lhe 60% de estanho e 40% de chumbo. São usualmente encontradas no mercado soldas nas proporções 70/30, 60/40, 50/50 e 40/60. A coalizão depende bastante do utilização, levamos em conta que quanto mais estanho a coalizão tiver, menor vai ser o ponto de liga. Por isso uma soldadura com coalizão 70/30 vai sensibilizar bastante mais acelerado que uma soldadura com coalizão 40/60.



Um dos exemplos é a barra de dessoldagem que vem em Kits de desoldagem. Essas barras possui uma coalizão com bastante estanho e por este razão possui um ponto de liga bastante baixo, no momento em que salsada a soldadura comum faz com que seu ponto de liga baixe sensivelmente facilitando a retirado do elemento e higienização do local.


Soldadura com Movimento


Na eletrônica as soldas vem com movimento interno, elas são ocas e esse frívolo é cumprido com o movimento. O movimento ajuda a soldagem e benefício a aglutinação da soldadura a superfície, embaixo falaremos sobre isto mais detalhadamente.


Soldadura para SMD


A unica coisa que difere a soldadura comum para a soldadura de componentes SMD é a encorpadura do cordão de soldadura, no mercado estão disponíveis varias espessuras, a mais comum é 1mm, já para SMD é bastante utilizado o cordão de soldadura de.5mm.


Que soldadura adquirir?


Para iniciar vamos com o que não pode iludir, como já citamos acima, o cordão de soldadura com movimento de encorpadura de 1,0mm e coalizão 60Sn x 40Pb (60/40). Eu constantemente usei apenas essa soldadura, mesmo para SMD, uma orientação correto para utilizar essa soldadura em SMD é tender o cordão, ele é bem lento e ao tender ele aproximadamente chega aos.5mm.



Movimento para Soldadura


O movimento e carteira para Soldadura servem para favorecer a aglutinação da soldadura a uma superfície, ou seja, ela aberta e benefício as superfícies que serão soldadas. Vários metais não combinam, porém se você utilizar a carteira ou movimento de soldadura o estanho e chumbo vão anuir ao metal com maior facilidade.


Carteira para Soldadura


Várias vezes, mesmo que a soldadura tenha movimento interno é prudente utilizar o movimento ou carteira para aumentar também mais a aglutinação e favorecer a soldadura. A diferença entre o movimento de soldadura e a Carteira de soldadura é que o movimento é sugerido para a uso em componentes eletrônicos, já a carteira de soldadura é ideal para chassis, chapas, isoladores metálicos e locais no qual há grandes superfícies a serem soldadas.


Um dos melhores fluxos são a base de Breu, ele é uma resina mineral obtida como subproduto da exsudação do petróleo.


Soldadura isenta de chumbo


Nos dias de hoje as leis, especialmente na casamento europeia estão abolindo o utilização de chumbo na eletrônica, com isto surgiu a soldadura Lead-Free, uma soldas isenta de chumbo. Todos conhecemos os efeitos nocivos do chumbo na nossa saúde e no meio local. E essa princípio veio para apurar e evitar contaminações por conta do chumbo. Até aqui no Brasil, no qual também é autorizado utilizar as soldas com chumbo já há algumas opções de soldadura Lead Free ( sem de chumbo).

As ligas metálicas disponíveis e mais usadas são as ligas que possui em sua composto Prata (Ag), Estanho (Sn) e Cobre ( Traseiro ), a equivalência varia de acordo com cada fabricante, em maior parte o estanho faz parte de no minimo 95% da coalizão metálica da soldadura Lead Free.


Afazeres Com a Saúde na momento de utilizar a Soldadura


Embora de não proporcionar riscas para a saúde, você está em contato com metais e outras substancias, especialmente as que formam o movimento. Recomendo não utilizar soldas de origem duvidosas ou Chinesas, uma vez que não há garantias que estes produtos tenham matérias primas livres de substancias toxicas.
Caso você pense em trabalhar horas soldando ou dessoldando considere adquirir um exaustor para Fumaça de Soldadura, há diversas marcas no mercado, todos são bastante eficientes, eles são providos de um filtro de hulha ativado que elimina qualquer fumaça ao longo o trabalho.


Você não necessita utilizar gratificação, mascaras, óculos ou casco para corporificar uma soldadura, dessolda ou ressolda na eletrônica, porém algumas dicas são capazes de auxiliar a não acontece riscas ao longo e apos este trabalho com a soldadura.


Ao longo o utilização da soldadura não aproxime seu frente do ponto a ser soldados, são capazes de acontecer pequenas bolhas de soldadura ou mesmo de movimento que no momento em que estouram lançam soldadura e movimento quente.


Ao longo o trabalho com a soldadura evite comer os olhos, provocar o vocação a boca ou mesmo alimentar-se enquanto manuseia a soldadura, isso pode provocar contaminação.

Clique Aqui: Dicas para uma boa soldagem em eletrônica


Evite inalar a fumaça criada ao longo o fusão da soldadura, ela é oriundo do movimento de resina, embora de não ser toxico, não custa evitar.



Entendimento


Não compensa amealhar na compra de soldadura, um trança de 500g de soldadura cordão com movimento de 60/40 x 1mm custa em média R$ 30 e vai permitir para você soldar por alguns anos. Porém se você quiser já iniciar na onda ecológica e adquirir um trança de soldadura cordão com movimento de 1mm Lead-free custa em média R$ 80, porém você terá a garantia de não rebentar tão cedo! ( Brincadeira ) Já o Movimento e Carteira é mais para o utilização profissional e não necessita ser adquirido.

FONTE:
https://lista.mercadolivre.com.br/solda-eletronica